Menu CICS.NOVA

Projectos

TRIAD - Vulnerabilidade Social e Risco para a Saúde devido às doenças arbovirais em Portugal continental

Referência: PTDC/GES-OUT/30210/2017
Equipa: José António Tenedório
Teresa Santos
Investigadores Não Pertencentes ao CICS.NOVA: IR: Jorge Rocha (CEG-UL); co-IR: César Capinha (IHMT); Ana Teodoro (UP); Bruno Meneses (CEG-UL); Carla Sousa (IHMT); Eduardo Gomes (CEG-UL); Nuno Costa (CEG-UL); Patrícia Abrantes (UP); Paulo Morgado (CEG-UL); Ricardo Garcia (CEG-UL); Sandra Oliveira (CEG-UL); Sérgio Oliveira (CEG-UL); Susana Pereira (CEG-UL
Entidade Proponente:

Instituto de Geografia e Ordenamento do Território (IGOT): Centro de Estudos Geográficos da Universidade de Lisboa (CEG-UL)

Entidade Financiadora:

FCT (Projetos I&D)

Palavras Chave: Vulnerabilidade; Risco; Surto; Re(emergência).
Objectivos:

Os arbovírus representam uma importante ameaça para a saúde humana mundial. Vários fatores forçam o (re)surgimento de arbovírus, tais como os aspetos antropogénicos do crescimento desenfreado da população humana, a expansão económica e a globalização. As mais recentes epidemias de Chikungunya (CHIKV), Dengue e Zika aumentaram a necessidade de compreender a escala geográfica e sazonal da transmissão. Compreender os motores desta tríade, i.e., CHIKV-Dengue-Zika (CDZ) é uma prioridade de saúde pública. O projeto foca-se precisamente no CDZ porque este causa atualmente graves danos ecológicos, socioeconómicos e de saúde pública, a nível mundial. Duas das espécies mais comuns de mosquito que atuam como vetoras do CDZ são o Ae. aegypti e o Ae. albopictus.

Parcerias:

NOVA FCSH: Centro Interdisciplinar de Ciências Sociais da Universidade Nova de Lisboa (CICS.NOVA); NOVA IHMT: Saúde Global e Medicina Tropical; Universidade do Porto

Data de Início: 2018
Data de Fim: 2021